terça-feira, 22 de março de 2011

Dirigente de igreja é executado com dois tiros quando trabalhava como mototaxista

compartilhar
O dirigente de igreja Clébio Constâncio de Melo, 29 anos, que trabalhava também como mototaxista, foi assassinado na manhã de ontem por um desconhecido que fretou uma corrida. O crime aconteceu às 7h45 na RN 015, destino solicitado pelo passageiro que matou a vítima com dois disparos de pistola.
De acordo com informações de um policial militar que se encontrava próximo ao local da ocorrência, o mototaxista deu sinais de que estava sendo ameaçado e tentou jogar a motocicleta para o lado. Ao cair da moto, Clébio foi atingido com dois tiros de pistola disparados pelo passageiro que fugiu do local após tomar uma bicicleta de uma jovem que passava pelo local.
Segundo testemunhas, o suspeito do crime seguiu em direção ao Complexo Penitenciário Agrícola Mário Negócio (CPAMN) ou para o município de Baraúna. A polícia suspeita que o assassino possa ser um apenado do regime semi-aberto da Mário Negócio que tentou praticar um assalto ao mototaxista, mas foi impedido pela reação da vítima.
LUA DE MEL INTERROMPIDA - Clébio Constâncio era dirigente da Igreja do Apocalipse e segundo informações de amigos, havia se casado na noite anterior à tragédia. A vítima residia na Rua Alzira Vieira de Melo, 66, Belo Horizonte. Outra informação fornecida por colegas do mototaxista é que poucos minutos antes de ser solicitado para fazer a corrida, Clébio havia comprado um lanche que levaria para comer em sua residência.
O ponto onde trabalhava como mototáxi fica localizado nas proximidades do Banco do Brasil da Avenida Alberto Maranhão. A moto da vítima, uma Honda MXT padronizada de cor laranja e placa MXT 7582 ficou caída no local até ser recolhida pelas autoridades. O corpo de Clébio foi removido para exame no Instituto Técnico-científico de Polícia (ITEP) e depois liberado para velório e sepultamento.


fonte: Gazeta do Mossoró

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...